4 perfis no instagram que estou amando.

Foi um final de semana e uma semana corrida, mas nada mudou e continuo no primeiro degrau no quesito “queda criativa”, que abordei post passado. Vocês não devem estar querendo saber como está minha agenda nem sobre as travas dos meus parafusos, mas… Se tem uma coisa que continua funcionando bem é a onda de inspiração e meu vicio pelo instagram. Então hoje separei 5 perfis que estou amando e já morrendo de vontade de tirar fotos lindas. Ganharam meu coração, em pouco tempo e acredito mesmo que vai ganhar o coração de vocês também.

Jennakutcher

Jenna foi uma esperta e usou seu instagram para dar vida a vários outros negócios, acho que é uma mulher que inspira, porque a postura dela já passa aquela leveza que a gente quer ta junto e descobrir como a mágica acontece, além de ser uma fotografa incrível (que é seu foco profissional) de casamentos.

Sem título2Sem título3

Rusticbones

Jéssica é uma fotografa freelancer que deu vida ao Rustic Bones, primeiro como blog pessoal para compartilhar moda e fotografia. E claro compartilha tudo com a gente também através do instagram, principalmente viagens, natureza, estilo de vida, moda e saúde. A criação de imagens é a paixão dela, e é muito claro isso!

100101

Tezzamb

Tezza é uma blogueira e fotografa (pelo menos é o que eu consegui entender) que se mudou para Nova York e está compartilhando tudo nas redes sociais dela, as fotos são maravilhosas, são coloridas, mas com uma pegada mais leve, ela mostra de tudo no feed, a vida, os looks. Duvido que você não goste!

901900

jacimariesmith

Mari é uma blogueira/youtuber que compartilha a vida, com o fedd todo fofinho e divertido. Minha vontade é de perguntar para ela qual é o filtro dela, que deixa as fotos exclusivas (nunca vi igual) e da onde vem essa criatividade maravilhosa.

0102

E ai, gostaram das indicações? Eu, viciada que sou em instagram, amo perfis novos, vocês tem algum que morrem de amores para compartilhar? 

Anúncios

5 coisas que estou amando.

No meu favoritos tem tanta coisa legal que salvo ou para ler depois porque o titulo me chamou atenção, ou porque gostei e quero ver de novo. Acho que é super justo (além de voltar a postar por aqui) compartilhar aquelas coisas maneiras que o mundo deveria ver, eu verdadeiramente amo. (Farei minha parte – pelo menos tentarei.)

05bcccc86bae2b8b9fad675c15fd9a20
foto

1- Encontrei é uma linha do tempo da decoração. Vale super a pena ver como as coisas mudaram, evoluíram e voltaram. O ciclo da vida é um máximo né?

2- Conheci o Gui quando fiquei desempregada e precisava recomeçar (e começar espiritualmente falando) ele foi meu salva-vidas e continua sendo. Se você acredita nesse mundão de meu deus e toda magia que vem junto, vai lá conhecer ele que tem muita coisa legal e muito aprendizado.

3- Eu medito, embora precise melhorar na prática e ainda tenha muito a evoluir, consegui incrementar na minha rotina (ainda que falhe de vez em quando) mas ser grata para mim não é tão natural – estou trabalhando e melhorando nisso -, então sempre quando vejo algo sobre o assunto meu olhos saltam. Vi esse texto e acho que todo aprendizado é valido.

4- Vi um texto do Anderson sobre autonomia e responsabilidade. Eu poderia falar horas sobre isso também. Achei foda.

5- Duvido o dó que você não conheça o blog e as irmãs do Tudo Orna, mas caso esse seja seu caso (isolado) comece conhecendo o manifesto  que é simplesmente inspirador.

Gostou? Tem alguma coisa que mexeu com seu coração e você quer que o mundão (e eu) saiba também? Compartilha com a gente…

Não planeje sua vida como se planeja um prédio

b8df0d6600b48716255fa936a87b8c14foto pinterest.

Sempre quando encontro meu pai ele me pergunta: ”E ai qual o plano para sua vida?” Eu sempre respondo ”deixa a vida me levar, vida leva eu”. Mentira, não respondo assim, porque não quero que ele tenha um ataque do coração (mas minha mente não tem papas na lingua). Nós somos dois extremos: Ele quer que eu planeje a vida como se planeja um prédio e eu sou impulsiva além da conta.
Não, pelo amor de deus, não seja tão louca que nem eu de deixar a vida te levar para onde ela quiser, o poder é seu. Mas também não seja tão presa a agenda a ponto de não poder respirar nos intervalos. A beleza da vida (também) acontece nesses intervalos, isso eu posso dizer com certeza.
Sempre quando pergunto a alguma amiga como ela está a resposta é sempre a mesma: Corrida! Bom pra começar preciso dizer que vida corrida não significa vida boa e feliz, necessariamente. Aliás como reclamam! Pra finalizar queria dizer as minhas amigas: se sua vida está corrida, você está cheia de novidades, então pelo amor de deus, compartilha! Vou amar saber e comemorar/chorar junto.
No meu caso: Estou bem e cada vez melhor, obrigada por perguntar.
Ps: Estou fazendo as metas e estabelecendo objetivos, mas tenho uma queda irresistível pelas brechas da minha agenda.

8 coisas que você pode fazer na sua casa para ajudar a relaxar.

Sabe aquele dia mega estressante, depois de horas produzindo você está pronto para se esparramar no sofá e só lembrar da vida no dia seguinte? Você chega em casa… E e no momento que abre a porta, sua casa doce casa, imediatamente te presenteia com uma onda imediata de e stress. Você não tem uma área para relaxar depois de um longo dia no escritório. Então, para consertar essa bagunça feia (chatice), aqui estão oito maneiras de desestresar seu ambiente doméstico para te ajudar a se sentir mais relaxado.

1. Incorporar mais plantas.

2f029c4ffaadfd4d0b1db246010264f4
foto

Plantas na decoração é uma maneira de impactar positivamente sua casa.

”Ao se cercar da natureza, os níveis de estresse diminuirão e você poderá se tornar mais criativo. Além disso, as plantas liberarão mais oxigênio e umidade no ar para ajudá-lo a respirar melhor. Impulso de humor imediato!”
Jacqueline DeMarco

2. Descarte-se da desordem.

5f0ec18c006cc2cfa4eba47ae6ff2e4d
foto

Casa bagunçada pode inibir seu humor e te fazer sentir ansioso. Em algum momento do seu dia, reserve 30 minutos para dar uma geral como organizar papéis que ficam soltos, dobrar roupas, organizar livros, lavar a louça. Por mais chato que o processo pareça, isso vai relaxar sua mente e evitar esse impulso de ansiedade no dia seguinte.

3. Crie uma área de paz.

212c374d935a8797211e394e90c6e3d2
foto

”Um dos principais motivos pelo qual você pode sentir que seu ambiente familiar é estressante é porque você não sabe por onde parar, diminuir a velocidade ou separar as coisas.”

Isso serve principalmente se você trabalha em casa (ou leva para casa), o objetivo é separar ambiente de produção e ambiente onde você relaxa.  Se você utiliza todos os ambientes para trabalho (ainda que seja só responder aquele e-mail rápido), isso pode confundir seu cérebro. Ao invés disso, escolha um canto (ou ambiente) que a regra é que não entre trabalho ali, assim você terá um canto acolhedor e ler um livro para se sentir mais a vontade e confortável em sua própria casa será fácil, possível e prazeroso.

4. Faça a sua cama todos os dias.

a7298dd867aa41f7b454d559f4bab0e8
foto

Sim esse é o chiche mais chato que existe, mas super eficaz. Por mais louco que pareça, fazer a cama todos os dias pode sim impactar positivamente seu humor e consequentemente seu dia e sua casa. Seu quarto é como oásis, se sua cama estiver uma bagunça, você não vai vê-la como o santuário que deveria ser. Além disso,  já experimentou ir para a cama com ela feita? Você sempre se sente bem, é certo!

5. Use cores que acalmam você.

59a6acbc11067a814395d746cc3f5d6c
foto

As cores mais frescas, como azul, violetas, rosas, verdes podem acalmar seus pensamentos e trazer uma presença de paz para sua casa. Se aventure, com milhares de cores no mercado, pinte parede com tons coloridos para ajudar a acalmar sua mente, ou se preferir ser mais discreta, utilize cores dos detalhes e vale fazer seu objeto colorido.
Dica extra: Tons de cinza para ajudar a equilibrar a energia nos ambientes.

8. Incorporar tanta luz natural quanto possível.


9ec78ea88d22cef51080ee7b460386ce
foto

Luz é vida. Estar frequentemente em uma casa mal iluminada tende a deixar você com humor ácido. Abra seu espaço e deixe a luz entrar. Com mais exposição à ela, seu corpo pode absorver mais vitamina D, o que, em troca, pode fazer você se sentir mais feliz, mais calmo e pode fazer você adormecer mais facilmente. Abra as cortinas e persianas assim que você acordar.

E você o que faz para se sentir mais feliz em seu lar? Compartilha aqui comigo que vou adorar novas dicas… Beijinhos! 

Sobre: Ser sustentável.

Eu confesso: Adoro o conceito, acho super cool, mas nem de longe pratico como deveria. Faço mesmo a pontinha do iceberg que é separar o lixo. Entrando mais a fundo sobre o assunto, lendo outros blogs cheguei a conclusão que separar o lixo não me faz uma pessoa quase nada sustentável, por isso trouxe algumas dicas aqui que eu pretendo colocar em prática, em breve. E se você assim como eu quer se juntar a esse pequeno passo e ajudar o planeta fazendo a sua parte, a gente pode espalhar a noticia pro mundo e mudar o rumo de tudo (trabalho de formiguinha.) Não produzir lixo, parece impossível mas um pouco de planejamento, mudança de habito e claro força de vontade, da pra trazer essas dicas para sua vida.

Reutilizar é um dos princípios para produzir menos lixo.

tumblr_lmtpgjYqDr1qb0glco1_500foto

Bom, depois de muito ler e estudar o que precisamos fazer para colocar a esse estilo de vida funcionar, cheguei a essa lista: (simples e super possível.)
obs.: serve -para mim- como lembrete e pra quem quiser começar e está perdida.

1. Reduzir desperdício (mas essa parece moleza, né?)

Nesse caso vale tudo: comida, luz, água (você já pararam pra pensar em quanta comida a gente joga fora, naquela luz que a gente deixa acessa, eu detesto casa escura, por isso esse desafio aqui para mim vai ser de fato algo que preciso estar me lembrando o tempo todo, até que vire um hábito. Nesse caso, você precisa ver onde desperdiça mais e tentar reduzir. É simples, vai.

2. Reduzir compras

De comida: para evitar desperdício. ✔
De roupas e tralhas: somente o necessário, use e abuse da nova onda mimimalista que vale super a pena. E caso você não resista, passe pra frente, mas não jogue fora. Doe, venda para os brechós, contribua para o consumo de segunda mão que tem muita coisa boa. Comprar roupas e acessórios de 2ª mão e, se novos, de marcas que produzam localmente, sem tecidos sintéticos e tenham consciência ecológica.

3. Descartar corretamente. 

(pelo menos o orgânico, eu separo)
Separa o que é orgânico, e o que é reciclável: tem vários tipos de materiais recicláveis, por exemplo, caixas de papelão e pilhas/baterias tem que ter destinos diferentes. Se a gente faz o samba do criolo doido dentro de casa, os lugares adequados não podem reaproveitar nossas sobras.

4. Usar reutilizáveis ao invés de descartáveis. 

toalha, guardanapo de pano, talheres, copos, sacolas ecobag e saquinhos de pano, tem uma infinidade de trocas que a gente pode fazer, inclusive na rua. Monta um kit emergência (com sacola de pano para mercado, copinho e guardanapo de pano para restaurante).

5. Comprar menos coisas com embalagens a não ser que seja 100% reciclável. 

Uma solução é optar pelas opções a granel (esse tipo de consumo ajuda a evitar o desperdício e além do mais: alimentos são bem mais frescos.)

6. Parar de usar coisas não-recicláveis.

Tipo esponja de cozinha, escova de dentes, plásticos adesivados, papéis engordurados, absorventes femininos descartáveis, isopor, tetrapak.
Tem vários lugares com dicas para substituir esses itens, e confesso que esse vai ser mais dificil que o kit de emergencia.

8. Usar produtos naturais, artesanais e, de preferência, feitos localmente.

Vale pesquisar o que é feito na sua cidade, desde produtos de limpeza a cosméticos.

9. Ter uma composteira doméstica para todo lixo orgânico.

(tem um link para externo para você ver como fazer.)

10. Aprender a dizer não aos guardanapos, canudos, cupons fiscais, sacolinha de mercado, etc.


Simples, né? mas esses hábitos exigem força de vontade para evoluir.

Tentei marcar alguma coisa que eu já esteja fazendo, mas no fim da lista estou morrendo de vergonha. Planeta, juro juradinho que farei um esforço para te ajudar. E gente, isso essa lista reúne algumas coisas que podemos fazer, mas tem muito mais por ai. Compartilhem comigo, o que vocês fazem para contribuir para esse mundo mais sustentável. Beijinhos- adiantado. 

Um ano mais verde.

Todo ano é a mesma coisa, a Pantone lança a cor guia e eu, particularmente amo essa tradição. Já tinha verificado a cor de 2017 mas quando fui mais a fundo amei mais ainda saber que a escolha é sempre simbólica e que é resultado da observação dos movimentos culturais que o mundo passa todos anos. Dito isso, preciso dizer que fiquei maravilhada com a escolha desse ano, saca só:

Um ano mais verde. Em seu site, a Pantone explica sua escolha:

“Greenery é a cor dos recomeços. Seu tom cítrico levemente amarelado evoca aqueles primeiros dias da primavera, quando o verde da natureza começa a renascer, restaurar, renovar. Sua associação com folhagens e a exuberância da vida ao ar livre sinalizam ao consumidor o momento de respirar fundo, se oxigenar e revigorar.

Greenery é o tom neutro da natureza. Quanto mais submersas as pessoas estiverem na vida moderna, mais elas sentirão a necessidade de imergir na beleza física do mundo natural. Essa mudança se reflete na proliferação de todas as coisas “Greenery” no nosso dia a dia, do planejamento urbano à arquitetura, passando pelo design e lifestyle. Antes uma constante periférica, a cor está agora sendo puxada para o primeiro plano, se tornando uma matiz onipresente no mundo.”
Clica aqui para ver o video 

Pra mim a escolha fez bastante sentido (calhou com meu momento mas consciente) e me sinto no caminho certo. Precisamos de um mundo mais verde, muito mais sustentável e muito mais vivo, então vale lembrar que a mudança começa com a gente. Por isso amei as dicas da JoJo, dona do meu blog preferido (UASZ) e acho que estão lá as melhores dicas de consumo mais consciente, casa mais responsável e bolso econômico.

Agora que a gente ficou um pouquinho mais ligado nos paranauê , vamos lá fazer nossa parte né? Beijinhos.

Balanço geral: 2016

2016 para mim não foi o ano, mas com certeza foi um ano de muito aprendizado. E para mim aprendizado é um beneficio incrível. Foi o ano que comecei a me conhecer e me questionar mais, li muito, conheci muitas coisas que estavam além do que imaginei, aprendi a ter paciência e amar mais. E por fim, me casei, a coisa mais esperada por mim. No balanço geral: gostei.

ee2fbbe5a0e1bd4cd6596d8b884f1bac

FELIZ 2017. Que a virada seja reflexo de um ano incrível que vem pela frente rodeado das melhores pessoas que nos inspirem e transpirem o melhor!
Com muita fé, muita energia positiva, muitos sonhos, aprendizado, experiências, amizades, saúde, paz, abundância, evolução e amor. Que 2017 entre com o pé direito na vida de cada um e deixe muito mais marcas boas, que seja recheado de gratidão e aprendizado. Que sejamos melhores a cada dia desse novo ano.
FELIZ ANO NOVO! Beijinhos, nos vemos em breve.

Várias coisas: Verão

Verão, brilhe! Eu amo inverno, mas quando chega o verão eu fico animada, porque amo tomar banho gelado e botar as patinhas de fora!

Claro que verão é a época que QUASE todo mundo viaja, e aproveita a psicina ou praia. Mas caso você trabalhe e não possa aproveitar desse jeito, não da pra desanimar né? As vezes a gente fica com tédio da vida porque tá todo mundo viajando e a gente tá abandonado na cidade grande, mas olha só, não desanima não. Vamos descobrir algumas coisas que a gente pode fazer pra driblar a rotina e aproveitar a estação.

a9f9f9032aa0f9d3fab8d64631b8cc6b

foto

Esportes ao ar livre. Eu sou suspeita para falar, pois só assim consigo realmente focar, mas ai ó: final de tarde uma corrida no parque, passear com cachorro, andar de bicicleta, patinete, skate, etc. O negócio é aproveitar a luz do dia e ainda por cima cuidar de você.

Banho de mangueira/ guerra de bexigas com água. Não tem piscina, nem praia? Não desanima, pega a mangueira e faz guerrinha de água com os amigos, namorado, família, o importante é se manter refrescado e desse jeito vai render boas risadas.

Conheça sua cidade (seja turista). Aproveita o calor e respira ar puro e tudo que a cidade tem a oferecer, procure os sites de turismo e eventos. Sempre tem várias opções escondidas, você só precisa ter um pouco de paciência e pesquisar.

Invente dentro de casa. Se não tem jeito, o tempo não colabora, o transporte é complicado e a sua cidade é de fato parada. Não perca as esperanças, faça você a coisa movimentar. Chame os amigos, decore a casa, faça a noite dos jogos, cozinhe coisas diferentes.

Faça você sua própria sobremesa. Comer as guloseimas de verão já é uma delicia, imagine então fazer as próprias? Já é uma atividade. Tem picolé, milk shake, limonada, etc.

Tire fotos. Aproveite a luz e se joga nas fotos. Afinal recordações são sempre bem vindas.

Piquenique. Aproveita a luz do dia ou o calor da noite, o importante é estar sempre com amigos, e tem coisa mais gostosa que reunir quem a gente ama, bater papo e comer?

Beba água, experimente frutas e outras gostosuras da estação (essa é pra mim.) Vá a feirinhas, faça artesanato, Assista o nascer e o por do sol… 

Idéias não faltam não é mesmo? O negócio é botar a criatividade a toda e aproveitar essa época que nosso pique tá lá em cima. Beijinhos.